Edna Sampaio defende plano municipal de cultura





Presidente da Comissão de Cultura e Patrimônio Histórico da Câmara, a vereadora Edna Sampaio defendeu, nesta quinta-feira (28), a instituição de um Plano Municipal de Cultura de Cuiabá.


Dando continuidade aos encaminhamentos da audiência pública realizada em 26 de março sobre o tema, ela e o vereador Mário Nadaf (PV) se reuniram nesta quarta-feira (27) com o secretário da pasta, Aluízio Leite.


Também participaram o co-vereador do Mandato Coletivo pela Vida e por Direitos, Clóvis Arantes, e membros do setor cultural de Cuiabá, entre eles a produtora Silvana Córdova e a dançarina Margarete Xavier.


“Cuiabá não tem Plano Municipal de Cultural, o que é um absurdo, pois ele é um instrumento fundamental para compor o que o setor chama de CPF da Cultura: a Coordenação, feita pelo poder executivo, o Fundo Municipal de Cultura e o Plano. Há 20 anos há uma reivindicação do setor pela elaboração do plano. Vamos fazer agora”, disse ela.


A parlamentar reconheceu o empenho do secretário em relação à pauta. Durante a reunião, ele afirmou que está em tramitação o termo de referência para a contratação da empresa responsável pela condução do processo de elaboração do plano.


“O compromisso do secretário me deixou muito feliz, tanto na audiência quanto durante a reunião, onde estivemos com os setores da cultura para discutir a agenda de construção da Conferência Municipal de Cultura, onde será elaborado o plano que orientará as políticas públicas municipais para o próximo decênio. É muito importante isso. É uma ação histórica do nosso mandato e do mandato do vereador Mário Nadaf”.


A reunião contou ainda com a presença dos representantes do Movimento das Trabalhadoras e Trabalhadores sem Terra (MST) e da UFMT, responsáveis pela organização da Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária (JURA 2022), que solicitaram apoio à pasta, e da professora Jacy Proença e do ator Justino Astrevo, assessores da secretaria.