top of page
160ee6c0-457f-4996-9239-29b5d6455e6c.JPG

Edna recebe apoio de deputada Renata Souza, do PSol e outras lideranças





A deputada estadual carioca Renata Souza (PSOL-RJ) publicou vídeo de apoio à vereadora Edna Sampaio (PT-MT), nesta quinta-feira (9), nas redes sociais da parlamentar cuiabana.


Nascida e criada no Complexo da Maré, no Rio de Janeiro, ela também venceu barreiras econômicas e sociais para ingressar na universidade e alcançar o parlamento. Feminista e defensora dos Direitos Humanos, foi amiga e companheira de militância da vereadora Marielle Franco.



“Quero aqui deixar o meu apoio à vereadora Edna Sampaio. Edna eu conheci na luta e todo o seu mandato coletivo é organizado a partir dos movimentos de mulheres, movimento negro, todos aqueles e aquelas que lutam pelos direitos humanos. Hoje, a Edna é vítima de fake news, informações mentirosas que querem desabonar sua conduta enquanto vereadora de Cuiabá. Mas a gente está aqui sabendo que Edna também é resistente e que todos os movimentos estão a favor da Edna em sua luta. Eles não vencerão. Eles passarão e, obviamente, a gente passará de cabeça erguida e punho cerrado”, diz ela.




Outro parlamentar carioca recentemente manifestou apoio, o vereador do município de Quatis (RJ), Willian Carvalho, defensor dos direitos do público LGBTQIA+, mulheres vítimas de violência, comunidades rurais e quilombolas.



“Edna está sofrendo uma série de ataques de setores conservadores de sua cidade no exercício de seu mandato. Quero dizer a você, Edna, com todo o carinho, não perca seu brilho, sua altivez, você é muito potente e nós continuaremos marcando posição para avançar na representatividade e na execução de nossos mandatos”, disse ele.


Recentemente, Edna também recebeu o apoio de uma das principais lideranças da luta LGBTQIA+ do país, a ativista Symmy Larrat, mulher trans convidada pelo governo Lula a assumir a Secretaria Nacional dos Direitos da População LGBTQIA+.




Outro apoio veio da professora Iêda Leal, coordenadora nacional do Movimento Negro Unificado (MNU) e atual Secretária de Gestão do Sistema de Promoção da Igualdade Racial.




Em nível local, também já manifestaram apoio à parlamentar a presidente do diretório municipal do PT em Pedra Preta, Lianda Batista, e o vereador daquele município pelo partido, Klebis Marciano.



Também se manifestaram a favor da parlamentar lideranças de movimentos sociais como a professora e advogada Thaís Brazil, várias eleita rainha da Parada da Diversidade de Mato Grosso e militante LGBTQIA+, e João Victor Fos Kersul de Carvalho, do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingida pela Hanseníase e da RedUniversitária do Combate à Hanseníase.


Além de pesquisadoras, como Dejenana Campos, do Núcleo de Estudos Afro-brasileiro, Indígena e de Fronteira do Instituto Federal de Mato Grosso Maria Dimpina Lobo Duarte (NUMDI) e Eliane Julkovski, estudiosa de Política Social do Instituto de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).






bottom of page