top of page
160ee6c0-457f-4996-9239-29b5d6455e6c.JPG

Desembargadora reconhece erro em decisão sobre contas de Edna



A vereadora Edna Sampaio (PT) informa que são falsas as informações da matéria “Farra com o Fundão - TSE decidirá se vereadora do PT devolverá R$ 41 mil”. Elas estão incorretas.


Ao afirmar incorretamente que a vereadora teve as contas reprovadas em 2022 e associar tal informação com o título “Farra com o fundão”, o site Folhamax se empenha em passar a ideia de que a vereadora cometeu ilícito, prejudicando sua imagem. Segue abaixo a decisão sobre a aprovação das contas da parlamentar.

A vereadora esclarece que:



  • As contas da campanha de 2022 para a Assembleia Legislativa de Mato Grosso não foram reprovadas, mas sim aprovadas com ressalvas, o que a exime de qualquer prática ilegal;

  • A decisão da desembargadora Maria Aparecida Ribeiro, do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) foi favorável ao recurso da parlamentar ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde aponta um erro no processo: a duplicidade no registro do valor de R$ 10.740,00, ocorrida no cálculo dos gastos com combustíveis. Sem isso, o valor gasto fica em R$ R$ 17.180,00, permanecendo dentro do legalmente permitido;

  • A desembargadora, portanto, reconheceu o argumento apresentado pela defesa e atestou a regularidade da prestação de contas de campanha da vereadora e a legalidade do pedido feito à Justiça;

  • Diante disso, a vereadora solicita a correção do texto, bem como a publicação de errata, encaminha a decisão sobre suas contas e se coloca à disposição para mais esclarecimentos.



Não seremos interrompidas!!!!



Assessoria de Imprensa

Vereadora Edna Sampaio

Mandato Coletivo pela Vida e por Direitos

Comments


bottom of page