Edna visita USF e aponta falta de critério em demissões

Em visita à Unidade de Saúde da Família do bairro Jardim Leblon, em Cuiabá, nesta quarta-feira (24), a vereadora Edna Sampaio (PT) criticou a falta de critério por parte do executivo nas demissões de funcionários contratados pela Secretaria Municipal de Saúde, que estão sendo feitas sem critério.



Na unidade de saúde, a demissão de dois trabalhadores contratados que atendiam diretamente os pacientes, desestruturou o atendimento e revoltou a população.


A vereadora salientou o descontentamento da população da região com a demissão de dois funcionários que ajudavam muito na unidade, destacando que a unidade de saúde é muito ativa no local.


Ela criticou as demissões feitas de maneira linear, sem critério e sem consulta à equipe de saúde.


Analisou a falta de gestão na saúde de Cuiabá, lembrando que já solicitou e pedirá novamente ao prefeito em exercício, José Roberto Stopa, que envie à Câmara o calendário de realização do concurso público na saúde.


“Parece uma injustiça. Há muitos que estão recebendo prêmio saúde, com salários altíssimos, trabalhando na atividade-meio, enquanto, na atividade-fim, onde o pessoal é escasso, houve essa demissão”, comentou.


“Neste momento tão grave, há relatos de adoecimento dos trabalhadores, dada a completa falta de gestão na saúde, isso é muito triste, pois não é uma questão de falta, mas de mau uso dos recursos públicos”, comentou a vereadora.

“Vamos tomar as providências que nos cabem, cobraremos novamente do prefeito este calendário do concurso público e dialogar na Câmara sobre a necessidade de rever estas demissões sem critério que desestruturam as unidades de atendimento à população”.



"Como usuário desta unidade, temos visto problemas físicos, de instalação, funcionais. Falei com a vereadora para ver o que é possível para melhorar esse posto, pois esta unidade é muito útil, os funcionários atuam bem, mas para precisam de uma estrutura boa e foi como cidadão que tive a iniciativa de pedir ajuda à Câmara", disse do co-vereador do Mandato Coletivo pela Vida de por Direitos, Gomes, que é morador da região, e participou da visita com a vereadora.