Mulheres que derrubam Bolsonaro completam um ano de luta!


O movimento nasceu há um ano, desafiando o bolsonarismo, o racismo, a misoginia, a gordofobia, a LGBTfobia, a ditadura e todos os entraves que as mulheres não toleram mais.

Foi criado por centenas de mulheres no Brasil e no exterior para restaurar a democracia e pôr fim ao (des)governo Bolsonaro.

Nasceu da indignação diante das atrocidades cometidas pelo governo Bolsonaro, sua condução criminosa da política de saúde na pandemia (que impulsionou uma escalada da Covid), o genocídio crescente nas periferias, a apologia à ditadura e o desmantelamento de direitos.

O objetivo: reunir coletivos, grupos organizados e movimentos antirracistas, de LGBTQI+ e de formadoras de opinião em torno da ideia de um Levante Virtual de Mulheres, que atingisse todas as brasileiras, incluindo as que não estão organizadas, para atuar pelo fim do governo Bolsonaro.

A primeira reunião aconteceu em 06/06/20. Em uma semana, 111 mulheres, das quatro regiões do país, aceitaram o desafio para a ação, sintetizado no MulheresDerrubamBolsonaro, e passaram a se comunicar por meio do WhatsApp, no grupo Levante das Mulheres.


Veja abaixo como acompanhar o evento on line pela página do Levante das Mulheres Brasileiras no Facebook.


LINKS DA TRASNMISSÃO:

https://www.facebook.com/109875760762011/posts/321696386246613/


https://youtu.be/9FDJgZlkr0A