top of page
160ee6c0-457f-4996-9239-29b5d6455e6c.JPG

Mandato coletivo participa de audiência pública sobre povos originários





O Mandato Coletivo pela Vida e por Direitos está acompanhando os debates sobre políticas públicas que ocorrem na capital.


Por isso, esteve presente na audiência pública sobre os povos originários, realizada pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso na manhã desta quinta-feira (13) na praça do Memorial Ulisses Guimarães, em Cuiabá, com o tema “Direitos dos povos originários”.


Participaram da atividade a assessora parlamentar do mandato, professora Vera Araújo, e os co-vereadores Clóvis Arantes, liderança do segmento LGBTQIA+, e Professora Lu, militante histórica da área da educação.



A audiência foi requerida pelo deputado estadual Lúdio Cabral (PT) e integrou o 1º Acampamento Terra Livre Mato Grosso, coordenado pela Federação dos Povos Indígenas de Mato Grosso (Fepoimt), que reúne as 43 etnias do estado.


Segundo Vera, o mandato esteve no local para ouvir as demandas em busca de lutar por políticas públicas para esse segmento da população. Na avaliação dela, a audiência contemplou a diversidade do Estado.



“Foi uma audiência pública bastante representativa de 26 povos indígenas, que trouxeram suas reivindicações, principalmente no campo da demarcação. Há também demandas na área da saúde e a questão da educação, que também está muito precária. Eles não estão sendo ouvidos nas suas comunidades e isso só reforça a necessidade de apoiarmos a presença dos povos indígenas no Conselho Estadual de Educação”, disse.


O Mandato Coletivo pela Vida e por Direitos está acompanhando o

1º Acampamento Terra Livre Mato Grosso.




Comentarios


bottom of page