top of page
160ee6c0-457f-4996-9239-29b5d6455e6c.JPG

Edna defende igualdade salarial entre gêneros



Durante entrevista ao programa Wilson Santos, publicada nesta sexta (27), a vereadora Edna Sampaio (PT), defendeu a igualdade salarial entre homens e mulheres.


Ela exemplificou que, na iniciativa privada, os salários das mulheres podem ser até 30% menores do que os dos homens e que a diferença é ainda maior quando se trata de mulheres negras.


Ela lembrou que a violência contra a mulher também tem como causa a dependência econômica das mulheres e a desvalorização de seu trabalho.


Ela defendeu a lei sancionada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em julho, que torna obrigatória a igualdade salarial entre homens e mulheres que exercem a mesma função, fruto de projeto de lei do próprio Executivo.


“A primeira desigualdade que aparece de maneira mais óbvia é a da apropriação do salário pela classe trabalhadora. Existem diferenças em relação ao gênero dentro da mesma classe social. O que o presidente Lula fez foi algo histórico, que já tem previsão, mas nunca foi posto em prática. Hoje temos uma ferramenta fundamental para buscar a igualdade salarial entre homens e mulheres”, disse.

bottom of page